O estilo roqueira sexy de Pitty é um convite ao bom gosto!

A cantora, compositora e musicista Pitty tem um modo de se vestir muito próprio. Depois de anos desaparecida e uma informação de que quase teria morrido, a artista é a personificação da moda bem usada e diversa.

[maxbutton id=”2″]

Ainda mais agora que está grávida do primeiro filho e publicou uma foto completamente estilosa para informar aos fãs que está vindo um bebê aí. Olha só que look maravilhoso. Com muitos acessórios e uma roupa bem viva para mostrar que a alegria bate na porta na porta da cantora mais uma vez.

 

mas olha só quem já está querendo dar uma pinta por aqui… ????

Uma foto publicada por ⚡️PITTY⚡️ (@pitty) em

Por conta do problema de saúde que quase matou Pitty há pouco tempo, ela não vai poder mais fazer toda a agenda de shows. É preciso saúde para poder ter uma gestação tranquila e sem grandes desafios.

Para quem não se lembra, Pitty teve hipotireoidismo e perdeu muito sangue. Agora já está tratada e não corre risco mais de morrer. Mas é sempre bom evitar qualquer problema. Por isso, a cantora já cancelou até alguns shows de sua nova turnê e espera ter uma gestação bem tranquila.

O estilo de Pitty com o passar dos anos

Todas nós sabemos que os anos 90 foram aqueles para esconder no quesito moda. Tudo era feito de forma muito avacalhada, brega e feia. Mas todo mundo que viveu naquela época teve que lidar com momentos do tipo. Com Pitty não foi diferente. Apesar de se lançar ao sucesso fonográfico apenas em 2003, ela levou um pouco do estilo dos anos 90 para sua moda pessoal.

Um estilo bem adolescente roqueira. Roupas pretas monocromáticas, muito acessório também da cor preta ou prateado e as sapatilhas com meiões coloridos. O que destruía todo o look rock star da cantora.

Pitty
Pitty

Pitty adora o conjuntinho camiseta regata, saia no joelho, sapatilha e meião. Quase sempre se apresentava assim. E utilizava cores sóbrias, como o preto e o branco. Apenas nas meias que abusava mais das cores. Nos acessórios, muitas pulseiras e cordões. Tudo muito próximo ao tipo de música que cantava, mas com alguns problemas que tem mais a ver com a moda da época do que com o bom gosto da artista.

Pitty pulseiras
Pitty pulseiras

Com os anos, Pitty foi atualizando o seu look na hora de se apresentar para o público fã da cantora. De uma roqueira adolescente se transformou em uma mulher delicada e de atitude. Mostrou-se uma feminista de mão cheia e perpassou todas as ideias e formas de viver para o que vestia. O resultado é incrível. Pitty mistura em seu estilo o rock, a atitude, a delicadeza e a sensualidade. Combinações extremamente maduras e conceituadas. Junto com acessórios que melhoram ainda mais o estilo da cantora.

Pitty
Pitty cantora

A preferência por roupas pretas continua. Afinal ela é uma estrela do rock e o estilo musical tem cor definida. Isso não impede que os cortes, modelos e decotes dêem uma visibilidade mais moderna, menos tradicional. Pitty é uma roqueira fofa, forte e sexy ao mesmo tempo. E consegue transmitir isso pelas suas peças de roupas e acessórios muito bem.

Tudo essa transformação aconteceu entre o primeiro sucesso da cantora em 2003 até os dias de hoje, após quase morrer. Pitty, apesar de nova, tem muita história de vida e a linha do tempo do estilo de se vestir dela é muito ligada ao jeito de se expressar, de mostrar o que viveu e do que acredita. O clipe Setevidas é um exemplo disso. Ela conta de forma fenomenal a sua quase morte e ressurreição. Usando roupas que vão do gótico, do quase morto, até a vida, a luz, o reencontro com a saúde.

Extremamente sensual, feliz e descontraída no refrão, Pitty esnoba da morte e afirma que ainda tem três vidas para gastar. Porém, o contraditório também se encontra no clipe, com momentos de apreensão, dor e tristeza. A cantora em um clipe consegue traduzir todos os seus estilos. Do brega ao magnífico, da morte à vida.

Um passeio cronológico pelo estilo e música

Pitty surgiu no cenário nacional em 2003 com “Admirável Chip Novo”. No seu estilo bem ligado ao rock dos anos 90, muito piercing, cabelão, tatuagens, roupas e acessórios pretos, botas e coturnos. Tudo a ver com a música que cantava e com o jeito que se apresentava. Porém, Pitty tinha uma pegada adolescente, seu público majoritário era formado por meninas de 18, 19 anos. Há tempos não havia um ídolo mulher no cenário do rock nacional. A última tinha sido Rita Lee. Com isso, ela conquistou essas meninas e teve que vestir algo parecido com a roupa delas. Foi aí que investiu nas sapatilhas e meiões coloridos. Deu um ar garotinha adolescente à futura deusa do rock nacional.

Em “Anacrônico” e na popularização do hit “Me Adora”, Pitty evoluiu no seu som e também no estilo. Deixou o rock adolescente de “Equalize” de lado e mostrou para ou frases em suas roupas. Ficou mais sexy e trouxe outros acessórios para complementar as pulseiras, brincos e anéis pretos. O chapéu e os óculos escuros.

Pitty
Pitty look
Pitty
Pitty estilo

Depois de um período sumida por conta da doença que quase a matou. Pitty aparece com o movimento Agridoce e uma música muito mais calma, mais próxima da MPB. Algo que nunca havia mostrado antes para o público. Junto com essa nova Pitty, surgiu uma mulher completamente diferente, que ama a vida e luta por ela. E aí sim veio “Setevidas”. Intensa, lírica, romântica, pesada, verdadeira, feminista, forte, delicada.

Pitty
Pitty

Essa se tornou a paradoxal Pitty. Uma pessoa comum, que não pensa de forma uniforme e que depois de receber uma nova vida viu que precisava experimentar todos os tipos de felicidade. Por isso tão igual e diferente ao mesmo tempo. Por isso, rock pesado e agridoce juntos. Pitty quer viver tudo que não viveu, quer ser quem sempre quis ser, mas nunca conseguiu ser. Pitty coloca isso na sua música, nas suas roupas e nos seus acessórios. A delicada roqueira. A feminista romântica.

Pitty
Pitty look

Um detalhe marcante da vida de Pitty e sua relação com a moda é que grande parte do figurino que ela utiliza em shows e clipes foi desenhado por ela mesmo. Essa é mais uma prova que a evolução e a mistura de estilos que se tornou a música e as roupas da cantora são por causa da mudança completa na vida dela.

Pitty
Pitty

A luta feminista e política, por exemplo, está cada vez mais viva e forte em Pitty. Ela percebeu, depois da quase morte, que precisa deixar um legado além da música. E defender as mulheres e os direitos humanos, fundamentais, é uma excelente possibilidade. A cantora se tornou ativista e hoje é uma das poucas artistas que entram em polêmicas e tomam lado na hora do discurso político. Junto dela, ainda no rock, é possível penar em homens como Tico Santa Cruz e Dinho Ouro Preto. Mas de mulher mesmo, ela reina única ainda. E com muita força!

Agora que vai se tornar mãe, uma nova Pitty vai nascer. Provavelmente mais meiga, mais forte, mais carente, mais guerreira, mais boba, mais defensora. Ou não. Sobre Pitty só resta esperar. É tudo uma caixinha de surpresas.

Lançamentos de Semi joias!

 

#tbt pro dia em que descolori as sobrancelhas pra campanha da Vivara ?

Uma foto publicada por ⚡️PITTY⚡️ (@pitty) em

 

só queria compartilhar meu good hair day sem filtro, pq a cor ficou do jeitinho que eu queria ❤️ c/c @novoarte

Uma foto publicada por ⚡️PITTY⚡️ (@pitty) em

 

as fotos da @tessalia ficaram tão incríveis que dá vontade de postar todas ❤️

Uma foto publicada por ⚡️PITTY⚡️ (@pitty) em

 

ainda não tinha visto esses outtakes da sessão pra @revistatpm ? @christiangaul, você é foda! ?

Uma foto publicada por ⚡️PITTY⚡️ (@pitty) em

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.